Oração de criança

Oração de criança

“A oração deve ser a chave do dia e a tranca da noite”. (George Herbert)

Oração de criança

A menina de três ficou muito feliz quando a mãe lhe disse que iriam montar a árvore de Natal.
Ao final do dia, como era o belo costume em casa, a mãe chamou a filha para a oração, começando-a com gratidão.
— Deus querido, obrigada por este dia…
Antes que a mãe continuasse, a menininha, de mente afiada, abriu os olhos e interrompeu a prece:
— Não, mamãe, não é assim.
E completou:
— Deus querido, muito obrigado porque a gente montou o nosso Natal e ele ficou muito lindo.
A mãe, que sempre ensinou que uma oração deve ser objetiva e específica, nunca vaga e genérica, viu a beleza e o valor da oração em família.
Também ficou claro para ela o ensino de Jesus, quando nos lembra que as crianças são capazes de orar perfeitamente (Mateus 21.15). A mãe também se sentiu confortável em aprender com sua filhinha e recompensada por lhe estimular a se comunicar com Deus.
A fé é um sentimento a se compartilhar.
Os adultos podem aprender com as crianças a como orar, especialmente porque elas sabem confiar.
Com os adultos, especialmente com os seus pais, as crianças podem aprender que elas são carinhosamente amadas por Deus.
Quando compartilhamos nossa fé uns com os outros, ela se torna mais profunda e nós nos tornamos mais fortes.

Reproduzido do site PRAZER DA PALAVRA, de Israel Belo de Azevedo, que pode ser ser acessado em www.prazerdapalavra.com.br.

Habilidades

Postado em

27/11/2017